Cultura Cidades Educação Economia Esporte Interior Jurídico Polícia Política Religião Saúde
Vídeos
Quem somos Anuncie Política de Privacidade

Notícias | Últimas Notícias
Compartilhar Imprimir Enviar por e-mail

20/04/2017
Toadas de Boi-Bumbá viram Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial no Amazonas

A toada, gênero musical que dá ritmo à cultura dos bois-bumbás em todo o Amazonas, virou Patrimônio Cultural de Natureza Imaterial após aprovação do projeto de lei 221/2016, de iniciativa da deputada estadual Alessandra Campêlo (PMDB). A votação aconteceu nesta quinta-feira, 20 de abril, no plenário Ruy Araújo da Assembleia Legislativa do Amazonas.

 

“O projeto faz justiça e valoriza culturalmente a toada de boi-bumbá, assim outros ritmos são consagrados nacionalmente, entre eles no samba, a bossa nova, o carimbó. Nada mais justo do que aqui no Amazonas nós termos também o reconhecimento pelo Poder Legislativo do ritmo que caracteriza a cultura dos bois tanto de Parintins quanto de outros municípios”, comentou Alessandra.

 

De acordo com o presidente do Instituto Cultural Ajuri (INCA), Marcos Moura, o reconhecimento do ritmo como Patrimônio Cultural Imaterial significa a valorização dos músicos, compositores, mestres, folcloristas e artistas que vivem o dia a dia dos bois-bumbás no Amazonas, mantendo viva uma herança cultural que agregou valor à nossa identidade.

 

“A aprovação desse projeto da deputada Alessandra, que tem sido uma guerreira na defesa do povo amazonense, é uma das mais legítimas conquistas da cultura popular no nosso Estado, até porque tem um aspecto pedagógico, pois o seu conteúdo trata de temas transversais de interesse público”, comentou Moura.

 

Além do projeto aprovado pela Assembleia, atualmente tramita no Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico (IPHAN) processo de registro do boi-bumbá do Amazonas como Patrimônio Cultural Imaterial Brasileiro.

Mais Notícias

Enviar Comentário:



« Voltar